Coach de carreira: quando você deve procurar um?

Coach de carreira pode ser uma boa opção para quem almeja mais espaço na empresa ou até para quem quer mudar de área. Eduardo D Bahi, Gerente de Transição de Carreira da Thomas Case & Associados São Paulo, dá algumas dicas sobre Coaching de Carreira em entrevista para o Yahoo.

Por Melissa Santos

O coaching é um setor em ascensão no Brasil. Estima-se um aumento de 300% no número de coaches ativos no país. E um dos tipos de profissionais mais buscados tem sido os especializados em carreira. Mas o que é um coach de carreira? E como saber se preciso de um?

O que é o coaching de carreira

Um coaching de carreira pode auxiliar o profissional a buscar um upgrade de cargo e salário na busca de uma recolocação. Ao mesmo tempo, maximiza suas competências técnicas e enxerga potencial em suas competências comportamentais.

Rodrigo Vianna, CEO da Mappit, consultoria especializada em vagas de início de carreira, explica que esse profissional ajuda o indivíduo a entender quais são seus atributos, fraquezas e aptidões e, com isso, desenvolver sua carreira para se sentir mais satisfeito com o trabalho.

“Esse processo permite que a pessoa passe a enxergar novos desafios e conquistar um crescimento. O coaching não é um aconselhamento ou treinamento, mas sim, um processo de capacitação. Ou seja, faz com que você pense e comece a se inspirar e acreditar em buscar novos desafios”, complementa Eduardo D Bahi, gerente de transição de carreira da Thomas Case & Associados, consultoria de gestão de carreiras e RH.

Como saber se preciso de um coach?

“Qualquer pessoa com interesse em desenvolver sua carreira e que esteja com dúvidas sobre como fazer isso, ou que esteja insatisfeita com o seu trabalho e não saiba enxergar sozinha quais mudanças pode fazer”, indica o CEO da Mappit.

Já Bahi comenta que este tipo de serviço é interessante para profissionais que querem crescer em suas funções na empresa, como assumir novas posições saindo de uma função técnica para coordenação / gestão de pessoas.

“Existem outras indicações, como para os profissionais que estão em uma empresa em fase de reestruturação, com demissões e contratação de novos chefes. Esses profissionais muitas vezes acabam em funções mais estratégicas e de liderança e precisam aumentar sua performance para se adaptar a um novo clima organizacional”, diz.

Os profissionais que buscam um plano B também podem se beneficiar com o coaching de carreira. “Eles vão montar juntos um plano de ação, visando abrir um negócio e precisam alinhar seu potencial com seu perfil / competências intrínsecas e onde podem ter mais sucesso”, afirma o especialista em transição de carreira.

As limitações do trabalho de um coach de carreira

Mas é importante ter em mente o escopo de trabalho desse profissional para não contratar o serviço e acabar se frustrando. De acordo com os especialistas, o coaching de carreira não recoloca ninguém em outra vaga, por exemplo.

Antes de contratar esse tipo de serviço, o CEO da Mappit, explica que é preciso avaliar se você realmente está aberto para iniciar esse processo. “É preciso estar disposto inclusive para ouvir que talvez o mais interessante para a sua vida profissional seja realizar mudanças bruscas. Além de se preparar psicologicamente para ouvir sobre suas falhas.”

Quanto custa um coach de carreira?

O custo desse tipo de serviço varia de acordo com o perfil do coach ou da necessidade do profissional. Em média, um programa de coaching vai de 5 a 10 sessões, com valor por hora entre R$ 150 e R$ 800.

Link da publicação: http://bit.ly/2Lmji2W

Thomas Case & Associados

Ao longo de 42 anos de atividades, nossos especialistas em Transição de Carreira, Outplacement, Coaching, Executive Search e Desenvolvimento contribuem com reportagens para diversos veículos de comunicação do país, por isso, a Thomas Case & Associados é considerada uma das principais fontes para consultas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *