Desmistificando o vídeo currículo

Você já ouviu falar em vídeo currículo? Essa é uma “nova” maneira de apresentar seu perfil e histórico profissional que várias empresas já estão solicitando em seus processos seletivos. Entenda o que é e como elaborar um bom vídeo currículo! Quem explica é nossa Consultora Sênior de Gestão de Carreiras, Fernanda Queiroz.

Você já ouviu falar em vídeo currículo? Será que ele veio para ficar? É um novo formato utilizado nos processos seletivos de candidatos. Sua solicitação iniciou em seleções de trainees e nas startups, mas, nos últimos anos, as empresas tradicionais também o incluíram nas etapas do recrutamento. O uso dele potencializou no momento atual devido as entrevistas virtuais.

MUITOS PODEM PENSAR QUE O FORMATO SUBSTITUIRÁ O CURRÍCULO TRADICIONAL, O TAMBÉM CHAMADO DE TECNICISTA, PORÉM ISSO NÃO ACONTECERÁ, ELE É APENAS UMA FERRAMENTA COMPLEMENTAR.

O objetivo deste modelo para as empresas é agilizar algumas etapas, possibilitar que candidatos de diferentes localidades possam ser avaliados e reduzir os custos de deslocamento. Além disso, o vídeo currículo possibilita entender rapidamente o candidato, como se comunica ou se apresenta, qual é o seu nível de energia, e que mais avaliadores visualizem a apresentação, aperfeiçoando assim o processo seletivo com diferentes olhares.

Para os nativos digitais gravar um vídeo currículo não assusta, já é algo com o qual estão familiarizados. Entretanto, para as gerações anteriores é mais incomum e pode gerar um certo desconforto. Ficará muito mais fácil o desafio se entendermos de que se trata de uma etapa do processo seletivo, embora possa não ser o ideal, mas pode ser um fator eliminatório. Na dúvida, dedique-se na produção do mesmo.

O que é importante quando falamos de vídeo currículo?

Preste muita atenção ao que foi pedido. Parece óbvio, né? Mas, não é. Segundo os recrutadores, este é um dos maiores erros dos candidatos, não são claros e não respondem ao que foi realmente perguntado, além do mais, ultrapassam o tempo estipulado e muitos não enviam o vídeo no prazo. Portanto, cuidado!!!

Seja você mesmo! Eles não procuram um youtuber. Se você é uma pessoa mais formal, não adianta simular ser mais descolada somente porque deseja trabalhar naquela startup (e vice-versa). Não crie um personagem, a empresa quer saber quem você é de verdade. Seja autêntico!

Prepare-se! Diante do que foi solicitado, prepare um roteiro – não é para ler durante a gravação do vídeo –, coloque no papel um texto ou tópicos e treine. Não é decorar, é treinar! Familiarize-se com aquilo que você irá falar e como vai falar.

Escolha o local. O ambiente deve ser silencioso e passar uma imagem profissional.

Faça testes de gravação. Sim, você deve fazer algumas gravações para analisar como estão o áudio, a iluminação e o enquadramento. Olhe para a câmera de forma simpática e natural. Fale de uma maneira clara e estruturada.

Cuide de sua vestimenta. Escolha a roupa adequada (cultura da empresa), vista-se como se você estivesse indo para uma reunião ou para um dia de trabalho naquela empresa.

Verifique a iluminação. O ideal é utilizar a luz natural, mas caso não seja possível, coloque um abajur ou uma luminária atrás do seu PC ou do celular que está utilizando para a gravação.

Ajuste o enquadramento. Antes de gravar, tire uma foto sua para ver como está o seu enquadramento, de preferência tendo como foco a parte do busto para cima. Grave com o celular na horizontal, utilizando um suporte para evitar movimentação durante a filmagem.

Analise a qualidade do áudio. Uma dica é que você utilize o microfone de um fone de ouvido tradicional, pois a chance de o áudio ficar com qualidade é muito maior. Você não precisa “vestir” o fone de ouvido, pode colocá-lo por dentro da sua roupa, e deixar a parte do microfone visível, por exemplo.

Coloque a mão na massa! Agora é ativar o play e gravar!

Algumas observações
  • Após a gravação compartilhe o vídeo com alguém de sua confiança para uma última avaliação, afinal um feedback construtivo é sempre bem-vindo!
  • Em alguns processos seletivos, o vídeo é feito no momento da inscrição, o que não possibilita testes e nem treinos. Portanto, faça algumas simulações antes de entrar no site e efetuar sua candidatura. E, esteja preparado para uma possível solicitação de vídeo currículo.

Fernanda Queiroz

Consultora Sênior de Gestão de Carreiras
www.linkedin.com/in/consultorafernandaqueiroz

3 thoughts on “Desmistificando o vídeo currículo

  1. Excelentes Dicas, Fernanda!!! Acredito que se tornará uma tendência avaliativa sim, e aplicada por várias empresas em curto prazo. Com certeza, como estou em transição de carreira, vou me preparar e aplicá-las oportunamente!

  2. Obrigado pelas dicas Fernanda. Você vem me assessorando e não sei se você lembra, mas, tive que gravar um vídeo de até 2 minutos em inglês para uma empresa. Suas dicas foram imprescindíveis para o sucesso naquele momento. Fui até a etapa final da seleção … Uma pena que “bati na trave”… Vamos para a próxima!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *